Nosso blog

Quatro dicas para elaborar um Plano Mobile

Existem algumas práticas a serem seguidas e algumas precauções a serem tomadas que servirão como base para atingir os resultados projetados.


Ilustração planeta mobile

A mobilidade já é uma realidade nas empresas e surpreende que tão poucas organizações se atentem para a importância da elaboração de planos e estratégias mobile. Fica claro no mercado quem são as empresas que integram a mobilidade aos seus negócios e quem são aquelas que a ignoram. Se sua empresa está no grupo das "sem estratégia definida", vale a pena entender algumas orientações para criar uma abordagem coerente para a implementação móvel em toda a companhia.

E para que todo o projeto de implementação das tecnologias móveis ocorra da melhor forma, aqui vão algumas práticas a serem seguidas e preocauções a serem tomadas:

1) Quem são os usuários? A partir do perfil do usuário é que se determina a escolha dos gadgets e o sistema que os cercam. Linha de dispositivos (smartphones, tablets etc.), conexão, ambiente de utilização e aplicativos também irão direcionar a elaboração da estratégia. Considere fatores como geolocalização e capacidade técnica dos colaboradores.

2) Equipes de governança. Todo o suporte necessário à iniciativa deverá ser provido por uma equipe de liderança que atue conjuntamente do começo ao fim do projeto. Defina um gerente que conduza a equipe. Definir essa estrutura reverte em ganhe técnico para pôr em prática as estratégias elaboradas. A equipe será responsável pelo: monitoramento, suporte, revisões e normas.

3) Seleção tecnológica. Estabelecidos os perfis gerais de usuários e a estrutura de governança por trás do projeto mobile, o passo adiante é mapear a tecnologia necessária para a resolução de demandas de diferentes departamentos da organização. Essa fase é importante para tangibilizar o resultado final do projeto. Define-se aqui os investimentos necessários.

4) Arquitetura. As tendências em torno da proliferação de aplicativos móveis, o desenvolvimento da TI num todo e o fenômeno BYOD apontam para a definição de uma arquitetura perfeitamente alinhada com a tecnologia utilizada. A integração dos sistemas possui relação com todas as informações e dados gerados e a arquitetura por trás desse planejamento mobile é uma forma de assegurar a boa transição das tecnologias tradicionais para as mais modernas. É consensual que os líderes de TI precisam continuar investindo nas mais modernas tecnologias - inclusive as tecnologias móveis - para se manterem competitivos.

Iniciar a implementação de um projeto para o uso de tecnologias móveis com foco nos negócios pode parecer algo trabalhoso e de fato exige mobilização de pessoas e orçamento específico. Com a adoção de boas práticas no processo - definidas a partir dos quatro pilares prescritos - muitas dificuldades podem ser eliminadas do caminho, o que certamente levará à conquista de bons resultados para a empresa.

Abaixo, um infográfico desenvolvido para o Google que mostra como os usuários estão interagindo no mundo mobile.


Infográfico do mundo mobile

comentários via Disqus